C. S. E. Fazendinha Esperança

O Centro Fazendinha Esperança é uma unidade de atendimento socioeducativo do INSTITUTO POBRES SERVOS DA DIVINA PROVIDÊNCIA, foi idealizado pela voluntária alemã Huberta Von Galen e inaugurado no dia 17 de abril de 2004, com objetivo de atender crianças e adolescentes carentes à mercê do risco social. As atividades iniciaram-se com 07 crianças, no dia 22 de abril de 2004.
 
O centro fazendinha trabalha com a pedagogia de projetos, projetos esses que visa o cognitivo, afetiva e social, ambos de forma interdisciplinar, buscando parcerias na intenção de garantir que as atividades se desenvolvam de forma significativa a todos os envolvidos, buscando assim atender as necessidades dos usuários a nós confiado.
O Centro procurou elaborar conteúdos relevantes ao cotidiano dos atendidos, pois a leitura de mundo percebe a leitura da palavra, dai que a posterior leitura desta, não pode prescindir da continuidade da leitura daquela, os conteúdos, contemplam todas as etapas do processo, não e um fim, mas um meio para que o processo possa se desenvolver a contento e segundo a filosofia do centro Fazendinha Esperança.
 
O CESEFE está localizado no Bairro São Francisco, na rua da cerâmica, passagem leste, n0 04 ao lado da Madeireira Indústria e Comércio România, às margens de um braço do Rio Maguari, no município de Marituba/Pa, possui um terreno (100 x 400 m) murado na frente e laterais, dando fundo para o Rio Maguari. Tendo como área de abrangência o atendimento crianças, adolescentes e jovens dos bairros São Francisco, União, Bairro novo e Novo Horizonte.
 
Hoje atende crianças e adolescentes de ambos os sexos, na faixa etária de 07 a 17 anos em situação de vulnerabilidade social e que estejam cursando o ensino fundamental e ou médio em escolas da rede pública.
 
ABRANGÊNCIA TERRITORIAL: O CESEFE está localizado no Bairro São Francisco, na rua da cerâmica, passagem leste, n0 04 ao lado da Madeireira Indústria e Comércio România, às margens de um braço do Rio Maguari, no município de Marituba/Pa, possui um terreno (100 x 400 m) murado na frente e laterais, dando fundo para o Rio Maguari. Tendo como foco de atendimento crianças, adolescentes, jovens e adultos dos bairros São Francisco, União, Bairro novo e Novo Horizonte.
 
PÚBLICO ATENDIDO 2016:
 
Quantidade de atendidos: 154 alunos matriculados no Projeto
 
Famílias: 96 famílias.
 
Nº de turmas: 08 turmas
 
Nº de mães no projeto ?Viver no Ritmo?: 39 mães